PPGEQ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Telefone/Ramal: Não informado

Banca de QUALIFICAÇÃO: LÍVIA MARA CÂNDIDO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LÍVIA MARA CÂNDIDO
DATA : 13/05/2022
HORA: 19:00
LOCAL: https://meet.google.com/cah-dvka-uin
TÍTULO:

RECUPERAÇÃO DO NIÓBIO A PARTIR DOS REJEITOS GERADOS ATRAVÉS DO PROCESSAMENTO DOS MINÉRIOS APATÍTICOS


PALAVRAS-CHAVES:

Minério apatítico, rejeitos, nióbio, recuperação metalúrgica e otimização


PÁGINAS: 152
RESUMO:

O aproveitamento dos rejeitos de minério minimizaria o grande volume atualmente direcionado as barragens, amenizando as dificuldades de disposição e processamento de desaguamento e empilhamento e em alguns casos, até mesmo tornando-as desnecessária.Dentre esses processos está o beneficiamento dos minérios que contém nióbio, o Brasil possui as maiores reservas mundiais de nióbio. Normalmente as jazidas em operação apresentam como minério primário que é a rocha sã contém carbonatos, flogopita, magnetita e apatita,usualmente rico em pirocloro. No depósito as maiores concentrações são encontradas na parte central deste. A concentração média de nióbio no minério primário e de 1,5% Nb2O5, com teores máximos de 8%. Nos processos de beneficiamento da apatita os minerais de nióbio são comumente encontrados e por possuírem diâmetro extremamente finos são direcionados para os rejeitos que são dispostos em barragem. Sendo assim, este trabalho tem como objetivo principal a avaliação de parte dos fluxos dos rejeitos gerados no processamento da apatita, os rejeitos da etapa cleaner da flotação de barita e o rejeito recleaner do processo de flotação da
apatita, em composição com o atual material alimentado na planta de concentração por flotação do nióbio. Para isto, foram coletadas amostra nestes fluxos e executados os ensaios de flotação em bancada para comparação da situação atual e a composição dos rejeitos. As composições mostraram um ganho de recuperação metalúrgica de 9% e recuperação mássica de 6,6% e principalmente a manutenção dos índices de qualidade. Após análise das composições, foi utilizado superfície de resposta Central Composite Design, Gradiente Reduzido Generalizado e Normal Boundary Intersection como algoritmo de otimização das principais variáveis do processo de flotação do nióbio.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1742695 - JUAN CANELLAS BOSCH NETO
Interno - 1811284 - EDSON ROMANO NUCCI
Externo à Instituição - PEDRO PRATES VALÉRIO - UNA
Externo à Instituição - MARCELO CARDOSO - UFMG
Notícia cadastrada em: 11/05/2022 12:18
SIGAA | NTInf - Núcleo de Tecnologia da Informação - +55(32)3379-5824 | Copyright © 2006-2024 - UFSJ - sigaa04.ufsj.edu.br.sigaa04